Ir direto ao conteúdo

A mixtape de David Byrne para a época de Natal e Ano Novo

Músico americano ficou famoso no final da década de 1980 com a banda Talking Heads, e mantém há décadas parcerias em várias partes do mundo

     

    O músico americano David Byrne ganhou notoriedade a partir do final da década de 1980, quando integrou a influente banda Talking Heads. Após um primeiro álbum marcado pela sonoridade punk, a banda continuou a explorar a partir de influências do funk e do afrobeat.

    Em sua prolífica carreira fora do Talking Heads, Byrne fez parcerias com músicos como Brian Eno, Caetano Veloso e Tom Zé. O contato com esses artistas se aprofundou em 1988, quando Byrne fundou o selo Luaka Bop com o intuito de lançar no mercado americano artistas de países que costumam ficar fora do radar pop local.

    A primeira série de coletâneas da gravadora se chamou Brazil Classics e trouxe volumes dedicados à Tropicália, o samba, o forró, Mutantes e Tom Zé. Em fevereiro de 2018, Byrne lançou seu primeiro álbum-solo em 14 anos, “American Utopia”.

    Mensalmente, o musicista lança uma nova playlist em seu site oficial, a Rádio David Byrne. No dia 1º de dezembro, ele lançou a playlist “Eclectic for the holidays”, pensada para tocar nas festas de fim de ano.

    Na lista, figuram nomes como o de Lonnie Holley. Nascido em 1950 na cidade de Birmingham, no Alabama, em uma família com 27 crianças, ele iniciou sua carreira artística no final da década de 1970, trabalhando com entalhes em arenito que obtinha em meio a material de construção descartado.

    Com o tempo, se tornou um artista plástico reconhecido, e a partir dos anos 2010 passou também a compor músicas experimentais. Também consta na lista de Byrne a banda brasileira Bixiga 70, que mistura elementos de música africana e jazz.

     

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa Equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project. Saiba mais.

    Mais recentes

    Você ainda tem 2 conteúdos grátis neste mês.

    Informação com clareza, equilíbrio e qualidade.
    Apoie o jornalismo independente. Junte-se ao Nexo!