Qual o impacto de Moro no governo: para Bolsonaro e Lava Jato

Juiz federal que se tornou um dos principais símbolos de combate à corrupção no país aceitou convite do presidente eleito para comandar superministério da Justiça

    O juiz federal Sergio Moro aceitou nesta quinta-feira (1º) o convite do presidente eleito Jair Bolsonaro para ser ministro da Justiça, com funções ampliadas, no governo que toma posse em janeiro de 2019.

    Moro se notabilizou ao comandar a Operação Lava Jato, que a partir de 2014 passou a revelar um megaesquema de desvios e superfaturamentos na maior estatal do país, a Petrobras.

    PARA CONTINUAR LENDO,
    TORNE-SE UM ASSINANTE

    Tenha acesso ilimitado e apoie o jornalismo independente de qualidade

    VOCÊ PODE CANCELAR QUANDO QUISER
    SEM DIFICULDADES

    Já é assinante, entre aqui

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.