Quais as propostas dos candidatos para a política externa

Tema pouco aparece em declarações e debates presidenciais. Aqui, o ‘Nexo’ reúne os planos dos 13 postulantes ao Palácio do Planalto

 

Em turbulência política, o Brasil olha para si e não dá tanta atenção à sua relação com os outros países. Ao menos esse é o sinal dado pelos candidatos presidenciais, que pouco ou nada falam de política externa na campanha de 2018, conforme relatam analistas.

A política externa é importante para a segurança e a estabilidade de um país. Está intimamente ligada a assuntos como exportações e investimentos estrangeiros, sendo um dos canais para o governo federal obter bons resultados na economia e melhorar a qualidade de vida dos seus cidadãos.

PARA CONTINUAR LENDO,
TORNE-SE UM ASSINANTE

Tenha acesso ilimitado e apoie o jornalismo independente de qualidade

VOCÊ PODE CANCELAR QUANDO QUISER
SEM DIFICULDADES

Já é assinante, entre aqui

Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.