A relevância do filme ‘Café com Canela’, segundo este crítico

Produção é o primeiro longa nacional de ficção com uma mulher negra na direção a entrar em cartaz em 34 anos

    Temas
     

    Com uma mulher negra na direção e elenco predominantemente negro, filmado no interior da Bahia, premiado e exibido em festivais nacionais e internacionais, o filme “Café com Canela” estreou em circuito nacional em agosto de 2018.

    O longa-metragem entrou em cartaz em Salvador, no dia 16, e, a partir do dia 23, é exibido em São Paulo, Santos, Rio de Janeiro, Niterói, Belo Horizonte, Brasília, Curitiba, Fortaleza, Porto Alegre e São Luís. A distribuição foi viabilizada com os recursos do Prêmio Petrobras de Cinema, obtido no Festival de Brasília.

    ASSINE O NEXO PARA
    CONTINUAR LENDO

    Tenha acesso ilimitado e apoie o jornalismo independente de qualidade

    VOCÊ PODE CANCELAR QUANDO QUISER
    SEM DIFICULDADES

    Já é assinante, entre aqui

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.