Ir direto ao conteúdo

O mapa que compara o clima em diferentes épocas

Pesquisadores ligados à universidade de Cincinnati buscaram ilustrar a dimensão das mudanças climáticas ao longo dos anos

 

Os últimos anos foram marcados por uma série de recordes de temperatura no globo. 2015 foi o ano mais quente já registrado na história, em parte devido à influência pontual do El Niño, um fenômeno que aquece as águas do Oceano Pacífico e altera condições climáticas.

Entre os anos que não sofreram influência do fenômeno, 2017 foi o mais quente já registrado. Esse rápido aquecimento era previsto por cientistas, que o atribuem ao aquecimento global causado pela emissão por humanos de gases estufa, como CO2 e CH4.

Com base em dados públicos disponíveis no banco de dados climáticos WorldClim, que reúne informações de 50 mil estações climáticas internacionais, os pesquisadores Tomasz Stepinski e Pawel Netzel, ligados à universidade de Cincinnati, nos Estados Unidos, criaram um mapa interativo que busca ilustrar a dimensão das mudanças.

Ele indica por meio de uma paleta de cores o grau de variação climática com o tempo. Chamado ClimateEx, o mapa destaca dados sobre mudanças de temperatura e de precipitação no passado e projeções para o futuro.

É possível comparar, por exemplo, a temperatura do ano 6.000 antes de Cristo (representado como -6000) com o ano 2000 d.C; a temperatura dos anos 2000 com uma projeção para os anos 2070 e a temperatura dos anos 6000 antes de Cristo com a projeção para 2070.

O mapa abaixo compara o Brasil de 2000 com a previsão para o Brasil de 2070. O verde indica as áreas com menores alterações. A cor branca, as áreas com maiores alterações. É possível observar que grandes mudanças de precipitação e temperatura são esperadas para o Nordeste e para a região amazônica.

 

Ao clicar no centro da área branca próxima à fronteira da Colômbia, para a qual grandes mudanças climáticas são previstas, o ClimateEx exibe um gráfico apontando variações nos dados sobre precipitação e temperatura.

Os dados de 2000 são indicados em vermelho, os de 2070, em azul. O gráfico aponta que são esperadas temperaturas ainda mais altas para o local em 2070, assim como meses com índice de precipitação menor.

 

Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa Equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project. Saiba mais.

Mais recentes

Você ainda tem 2 conteúdos grátis neste mês.

Informação com clareza, equilíbrio e qualidade.
Apoie o jornalismo independente. Junte-se ao Nexo!