6 gráficos para entender o peso de cada categoria no deficit da Previdência

Trabalhadores da área urbana e rural, setor público e privado, civis e militares têm regras e benefícios diferentes. Resultado disso é disparidade nas contas da Previdência

Em campanha para tentar aprovar a reforma da Previdência, o governo federal anunciou na segunda-feira (22) que o sistema de aposentadorias do Brasil teve em 2017 seu maior deficit na história. A diferença entre tudo que a Previdência arrecadou com contribuições dos trabalhadores e quanto pagou aos aposentados foi R$ 9 bilhões maior que em 2016 - que era o antigo recorde.

Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.

Já é assinante?

Entre aqui

Exclusivo para assinantes

Tenha acesso a todo o nosso conteúdo, incluindo expressos, gráficos, colunistas, especiais, além de newsletters exclusivas com curadoria da redação. Apoie o jornalismo independente brasileiro de qualidade.
Assine o Nexo.