Quem foi Mary Shelley. E cinco obras da criadora de ‘Frankenstein’

Autora escreveu o romance quando ainda era adolescente, desafiada pelo poeta Lord Byron. Este mês, a história completa 200 anos

     

    Foi depois de um encontro com o marido, Percy Shelley, e o poeta Lord Byron, em 1816, que a britânica Mary Shelley começou a dar forma ao romance gótico “Frankenstein, ou O Prometeu Moderno”. Na época com 18 anos, Mary fazia parte do grupo desafiado por Byron a escrever narrativas sobre fantasmas, durante uma viagem à Suíça.

    Quase dois anos depois, a provocação resultou no livro sobre o cientista Victor Frankenstein e sua estranha criatura, ainda publicado sob autoria anônima. Foi só na segunda edição, de 1823, que Mary Shelley assinou seu primeiro romance.

    ASSINE O NEXO PARA
    CONTINUAR LENDO

    Tenha acesso ilimitado e apoie o jornalismo independente de qualidade

    VOCÊ PODE CANCELAR QUANDO QUISER
    SEM DIFICULDADES

    Já é assinante, entre aqui

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.