O que é o ‘fundo cívico’ criado por empresários para candidatos

Grupo quer dar suporte técnico e financeiro a novos nomes. Segundo os críticos, projeto burla proibição a doações empresariais

     

    Empresários influentes vão criar um fundo para pagar bolsas mensais a partir de R$ 5.000 a novos candidatos para as eleições de 2018. A ideia é incentivar pessoas que assumam princípios éticos gerais e nunca tenham se candidatado a um cargo político. O objetivo é conseguir eleger entre 70 e 100 deputados federais.

    O grupo Renova Brasil, responsável pelo fundo, quer apoiar candidatos que não possuam envolvimento em casos de corrupção e captar recursos junto a apoiadores para viabilizar financeiramente as campanhas.

    PARA CONTINUAR LENDO,
    TORNE-SE UM ASSINANTE

    Tenha acesso ilimitado e apoie o jornalismo independente de qualidade

    VOCÊ PODE CANCELAR QUANDO QUISER
    SEM DIFICULDADES

    Já é assinante, entre aqui

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.