Descumprir a meta de inflação para baixo é um problema?

País criou sistema para evitar que preços subissem demais, mas agora lida com outro cenário

     

    O Brasil é um país que tem um histórico de inflação alta, às vezes hiperinflação. O aumento excessivo de preços foi, nas décadas de 1980 e início de 1990, o principal problema econômico do país. Foi em nome do combate à inflação que o governo congelou preços, confiscou dinheiro na poupança e mudou de moeda algumas vezes.

    O Plano Real, de 1994, acabou com a hiperinflação pareando o valor da moeda nacional ao dólar, entre outras medidas. Em 1999, com a crise internacional e a disparada do dólar, o governo criou o tripé macroeconômico que tem como uma de suas bases o regime de metas de inflação - as outras são manter o câmbio flutuante e buscar superávit primário nas contas públicas.

    ASSINE O NEXO PARA
    CONTINUAR LENDO

    Tenha acesso ilimitado e apoie o jornalismo independente de qualidade

    VOCÊ PODE CANCELAR QUANDO QUISER
    SEM DIFICULDADES

    Já é assinante, entre aqui

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.