Como medicina e psicologia lidam com a homossexualidade ao longo da história

No século 19, tornou-se ‘doença’. Depois o status mudou. Agora, decisão judicial dá abertura para terapias que ‘transformam’ homossexuais em heterossexuais

 

A partir de uma decisão da Justiça de 15 de setembro, psicólogos podem agora oferecer no Brasil tratamentos com a promessa de tornar homossexuais em heterossexuais. A decisão judicial também autorizou pesquisas sobre o tema. O responsável pela medida é o juiz federal Waldemar Cláudio de Carvalho, do Distrito Federal.

Esses tratamentos são chamados na sentença de “reorientação sexual”. Apesar de o juiz não mencionar o termo “cura”, o fato de essa terapia buscar mudar a orientação de homossexual para heterossexual, como se a primeira fosse um tipo de desvio, faz com ela seja conhecida popularmente como “cura gay”.

ASSINE O NEXO PARA
CONTINUAR LENDO

Tenha acesso ilimitado e apoie o jornalismo independente de qualidade

VOCÊ PODE CANCELAR QUANDO QUISER
SEM DIFICULDADES

Já é assinante, entre aqui

Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.