Assembleia Geral da ONU: 4 pontos para prestar atenção

Discursos de Trump e ausência da China e da Rússia estão em entre os tópicos da pauta do maior encontro de líderes mundiais. Temer abrirá discursos

    A abertura da 72ª sessão da Assembleia Geral das Nações Unidas, nesta terça-feira (19), em Nova York, será marcada por quatro acontecimentos que resumem os maiores impasses do mundo e do Brasil atualmente.

    O evento acontece todo ano desde 1946 e reflete, a cada ano, o estado em que se encontram as relações entre os 193 países que compõem as Nações Unidas desde sua fundação, após a Segunda Guerra Mundial.

    ASSINE O NEXO PARA
    CONTINUAR LENDO

    Tenha acesso ilimitado e apoie o jornalismo independente de qualidade

    VOCÊ PODE CANCELAR QUANDO QUISER
    SEM DIFICULDADES

    Já é assinante, entre aqui

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.