Narcisa Amália: a poeta, jornalista e abolicionista que você não conhece

Único livro de poesia da autora, publicado em 1872, ‘Nebulosas’ ganhou nova edição em 2017

     

    Estar “à frente de seu tempo” é um clichê frequentemente aplicado a artistas. Ele é ainda mais frequente para descrever artistas mulheres que atuaram antes ou no início do século 20.

    Isso porque, como escreveu a historiadora da arte Linda Nochlin em 1971, no clássico ensaio “Por que não houve grandes mulheres artistas?”, as condições do meio artístico foram, ao longo da história,  “entediantes, opressivas e desestimulantes para todos aqueles que, como as mulheres, não tiveram a sorte de nascer brancos, preferencialmente da classe média e acima de tudo homens”. As mulheres artistas do passado estavam necessariamente desafiando o status quo, pelo simples fato de se proporem a criar.

    PARA CONTINUAR LENDO,
    TORNE-SE UM ASSINANTE

    Tenha acesso ilimitado e apoie o jornalismo independente de qualidade

    VOCÊ PODE CANCELAR QUANDO QUISER
    SEM DIFICULDADES

    Já é assinante, entre aqui

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.