Ir direto ao conteúdo

Como filhas descrevem suas mães em fotos da juventude

Escritora americana lançou uma chamada nas redes sociais. Imagens e textos enviados revelam quais características projetamos nas ‘versões passadas’ de nossas mães

    A conta no Instagram “Mothers Before” reúne dezenas de fotografias de mulheres antes de se tornarem mães. Os registros foram enviados pelas filhas dessas mulheres à escritora americana Edan Lepucki, que solicitou que as imagens viessem acompanhadas também de um relato — sobre a foto ou sobre a mãe em questão.

    O projeto de Lepucki, autora do romance best-seller “California” e do recém-lançado “Woman No. 17”, tem a ver com o novo livro, que lida em grande parte com relações entre mães e filhas. A ideia de pedir que mulheres enviassem retratos caseiros de suas mães pré-maternidade foi inspirada de uma personagem do livro.

    “Uma jovem artista, personagem do livro, faz algo parecido, então eu havia pensado muito sobre como seria esse processo. Eu não estava preparada, no entanto, para o poder das imagens que viria a receber”, escreveu Edan Lepucki em um artigo de opinião para o jornal “The New York Times”, publicado no dia 10 de maio.

    Por que olhar para as ‘mães antes’

    A iniciativa da escritora vai além da nostalgia e da curiosidade de poder observar a juventude de mulheres de gerações anteriores.

    Segundo o artigo escrito por ela, as fotos enviadas são reveladoras de como percebemos a condição de mulher, que características projetamos nas versões passadas de nossas mães e de que forma elas dialogam com as expectativas da sociedade sobre o que é ser mulher e o que é ser mãe.

    “Estudando essas fotos, e a interpretação de cada filha a respeito delas, acabei me perguntando quais traços permitimos que nossas mães assumam, e quais outros vemos como temporários, ‘expirando’ com a idade e o início da maternidade. Uma mulher pode ser sexual e maternal, ousada e responsável, inocente e sábia? As mães são vistas ou como exemplos de altruísmo, ou são diminuídas e transformadas em piada. Nós não as vemos, com frequência, em toda sua complexidade”

    Edan Lepucki

    No artigo “Nossas mães como nunca as vimos”

    Os relatos nas redes

    “Minha mãe posando para um amigo fotógrafo em uma escada de emergência em Rochester, Nova York, por volta do início dos anos 1980. Ela não usa muitas calças curtas brilhantes cor de lavanda hoje em dia, mas na época em que ela usava, usava com desenvoltura”

    Emily

    sobre a mãe, Sue

    “Ela criou a mim e a meus irmãos sozinha, trabalhou no serviço de saúde por 40 anos até ‘se aposentar’ para ser professora do jardim da infância. Mas aqui ela é só uma garota de 19 anos com braços de arrasar, acenando para o pai dela na areia”

    Marie-Helene

    sobre a mãe, Helene

    "Minha mãe quando trabalhava, desenhando anúncios de moda para uma loja de departamentos em Milwaukee. Esse era o conversível dela. Quando ela passou dos 80 anos, prendeu essa foto na porta da geladeira, acho que porque a inspirava a lembrar. (Ou porque ainda estava brava com meu pai, que trocou o carro por outro quando ela passou um dia fora em 1951).”

    Darcy

    sobre a mãe, Anne

    "Aqui está uma foto da minha mãe marchando em uma passeata pela ‘Equal Rights Amendment’ em 1977, em Nova York. É ela de blusa preta e calça branca. Ela cresceu em uma família severa de cubanos da classe trabalhadora em Long Island, onde ela não tinha muita liberdade. Depois de sair de casa ela trabalhou e fez campanha por muitas causas sociais e estudou na Europa. Sempre admiro sua curiosidade e sua inteligência feroz.”

    Lourdes

    sobre a mãe, Consuelo

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.

    Já é assinante?

    Entre aqui

    Continue sua leitura

    Para acessar este conteúdo, inscreva-se abaixo no Boletim Coronavírus, uma newsletter diária do Nexo: