Para que serve e o que diz a Base Nacional Curricular Comum

Texto que define o conteúdo a ser lecionado em sala de aula entra em sua etapa final de elaboração

     

    O MEC (Ministério da Educação) entregou na quinta-feira (6) a terceira versão da Base Nacional Curricular Comum para o Conselho Nacional de Educação. Trata-se da etapa final da elaboração do documento, responsável por definir conteúdos e habilidades a serem desenvolvidos na educação infantil e no ensino fundamental das escolas públicas e privadas do país.

    A entrega do material e sua consequente divulgação não ficou livre de polêmicas. Entidades ligadas à educação e especialistas da área criticam a forma de construção do texto e a retirada, de última hora, de referências à orientação sexual e à temática de gênero.

    PARA CONTINUAR LENDO,
    TORNE-SE UM ASSINANTE

    Tenha acesso ilimitado e apoie o jornalismo independente de qualidade

    VOCÊ PODE CANCELAR QUANDO QUISER
    SEM DIFICULDADES

    Já é assinante, entre aqui

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.