O que é a lei Dodd-Frank. E o que Trump quer fazer com ela

Presidente pretende acabar com regras criadas no governo Obama para regular sistema financeiro. Bancos reclamam de perda de eficiência

    O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, planeja desfazer nos próximos meses mais um ato da administração Barack Obama. A próxima meta é "cortar muito" do conjunto de regras criadas para regular o mercado financeiro após a crise de 2008. O presidente assinou na sexta-feira (10) a ordem para uma revisão da chamada Lei Dodd-Frank, aprovada em 2010.

    A lei Dodd-Frank é um documento de cerca de 2300 páginas, que detalha regras para o setor financeiro - desde o volume de recursos que pode ser emprestado até remunerações e bônus de executivos. Ela foi aprovada em 2010 pelo congresso dos Estados Unidos após quase dois anos de discussão e foi batizada em homenagem a dois de seus maiores apoiadores: o senador Chris Dodd e o deputado Barney Frank.

    PARA CONTINUAR LENDO,
    TORNE-SE UM ASSINANTE

    Tenha acesso ilimitado e apoie o jornalismo independente de qualidade

    VOCÊ PODE CANCELAR QUANDO QUISER
    SEM DIFICULDADES

    Já é assinante, entre aqui

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.