Horário de verão termina neste fim de semana. Qual a origem e as consequências da medida

Adotada inicialmente no início do século 20 na Alemanha, mudança no relógio evita sobrecargas no sistema elétrico, mas não faz bem à saúde

 

Depois de quatro meses, termina neste fim de semana o horário de verão. À meia-noite da passagem de sábado para domingo, os relógios terão de ser atrasados em uma hora.

O principal objetivo da medida tomada anualmente no país está ligado à economia de energia elétrica. O Operador Nacional do Sistema, órgão responsável pela coordenação das instalações de geração e transmissão de energia, ressalta que mais do que a redução no consumo total, o horário de verão ajuda a evitar sobrecarga no sistema em momentos críticos - algo que pode gerar apagões.

ASSINE O NEXO PARA
CONTINUAR LENDO

Tenha acesso ilimitado e apoie o jornalismo independente de qualidade

VOCÊ PODE CANCELAR QUANDO QUISER
SEM DIFICULDADES

Já é assinante, entre aqui

Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.