Ir direto ao conteúdo

Fotógrafos fundiram imagens de Nova York e Paris. Aqui está o resultado

Projeto ‘Phantasma’ reúne a ‘cidade que nunca dorme’ à ‘cidade luz’ a partir de efeitos digitais

    Temas
    Foto: Carla de la Matta e Loïc Remy
    Paisagem de Paris em primeiro plano e edifícios de Manhattan ao fundo
    Paisagem de Paris em primeiro plano e edifícios de Manhattan ao fundo
     

    Mesmo quem nunca foi à capital da França ou à cidade onde fica a Estátua da Liberdade conhece seus símbolos e é capaz de reconhecer algumas de suas fachadas. Agora, uma série fotográfica concebida e realizada pela fotógrafa Carla de la Matta, de Nova York, e o fotógrafo Loïc Remy, de Paris, fundiu cenários das duas metrópoles digitalmente, criando uma nova metrópole, imaginária e onírica, como define o site “Fubiz”.

    Fachadas parisienses encontram torres altas do distrito financeiro nova iorquino, e o reflexo de Manhattan aparece nas janelas do Louvre.

    De la Matta declarou ao site Flavorwire que o projeto também carrega em si a imagem que cada um tinha da cidade do outro. Veja abaixo as fusões das fotografias:

    Foto: Carla de la Matta e Loïc Remy
    Torre Eiffel (Paris) e Ponte de Manhattan (Nova York)
    Torre Eiffel (Paris) e Ponte de Manhattan (Nova York)
    Foto: Carla de la Matta e Loïc Remy
    Pacific Tower, do arquiteto Kisho Kurokawa, no bairro de La Défense (Paris), e torre do Hotel Internacional Trump (Nova York)
    Pacific Tower, do arquiteto Kisho Kurokawa, no bairro de La Défense (Paris), e torre do Hotel Internacional Trump (Nova York)
     
    Foto: Carla de la Matta e Loïc Remy
    Museu do Louvre (Paris) e Arco da Praça Washington (Nova York)
    Museu do Louvre (Paris) e Arco da Praça Washington (Nova York)
    Foto: Carla de la Matta e Loïc Remy
    Janelas do Louvre (Paris) refletindo Manhattan (Nova York)
    Janelas do Louvre (Paris) refletindo Manhattan (Nova York)
    Foto: Carla de la Matta e Loïc Remy
    Bairro de Montparnasse (Paris) e torre do World Trade Center (Nova York)
    Bairro de Montparnasse (Paris) e torre do World Trade Center (Nova York)
     

    Vale lembrar que a Estátua da Liberdade foi um "presente" dos franceses aos americanos, construída conjuntamente entre os dois países e que o arco da Washington Square, construído no final do século 19 em Nova York, foi inspirado no Arco do Triunfo parisiense, encomendado por Napoleão em 1806 e inaugurado em 1836.

    Qual a técnica usada no projeto

    O resultado final é o produto da combinação de duas fotografias digitais, uma de cada cidade, uma de autoria de cada um dos fotógrafos. “Compartilhamos nossas ideias em um brainstorm até nos empolgarmos com uma delas e começarmos a trabalhar”, disse Carla de la Matta ao Nexo. Segundo ela, eles começam a trabalhar a partir de uma imagem, de qualquer uma das duas cidades, que instigue o processo criativo de ambos, e então buscam o complemento perfeito para esta imagem. Normalmente, diz a fotógrafa, esse processo leva semanas.

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa Equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project. Saiba mais.

    Mais recentes

    Você ainda tem 2 conteúdos grátis neste mês.

    Informação com clareza, equilíbrio e qualidade.
    Apoie o jornalismo independente. Junte-se ao Nexo!