Arquitetura do absurdo: os 3 ‘melhores projetos’ de 2017 que nunca sairão do papel

Competição premia ideias provocadoras que parecem ter saído dos filmes de ficção científica

     

    Com o objetivo de incentivar “a arquitetura que repensa seu papel na sociedade” a partir da “provocação”, um escritório americano criou um concurso anual que premia projetos absurdos, que nunca sairão do papel por que nem sequer respeitam as leis da física.

    O prêmio, intitulado “Architectural Fairy Tales” (Arquitetura de Contos de Fadas, em português), está em sua 4ª edição e costuma reunir os melhores trabalhos no livro “Fairy Tales”. Os projetos, que  precisam ser acompanhados de um contexto, são escolhidos por dezenas de jurados, entre eles arquitetos, designers e contadores de histórias.

    PARA CONTINUAR LENDO,
    TORNE-SE UM ASSINANTE

    Tenha acesso ilimitado e apoie o jornalismo independente de qualidade

    VOCÊ PODE CANCELAR QUANDO QUISER
    SEM DIFICULDADES

    Já é assinante, entre aqui

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.