Quem são os pré-candidatos da esquerda à presidência da França

Situados em polos opostos nas primárias socialistas, Hamon e Valls têm chances remotas de chegar ao segundo turno nas eleições gerais

     

    Os eleitores franceses foram às urnas no domingo (22) para votar no primeiro turno das primárias presidenciais da esquerda, que atualmente ocupa o poder com François Hollande. Benoît Hamon e Manuel Valls foram os mais votados, respectivamente, entre os sete nomes disponíveis, e agora esperam uma semana pelo segundo turno, marcado para o dia 29 de janeiro.

    O Partido Socialista foi a principal força da esquerda do país nas últimas décadas, mas hoje vive uma crise de popularidade. No fim de 2016, a gestão do presidente Hollande atingiu a marca de 4% de aprovação, um dos fatores que o levou a desistir de disputar a reeleição.

    PARA CONTINUAR LENDO,
    TORNE-SE UM ASSINANTE

    Tenha acesso ilimitado e apoie o jornalismo independente de qualidade

    VOCÊ PODE CANCELAR QUANDO QUISER
    SEM DIFICULDADES

    Já é assinante, entre aqui

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.