China cresceu 6,7% em 2016: o que acontece na segunda maior economia do mundo

Expansão é a mais fraca em 26 anos, mas números estão dentro da meta do governo e foram melhores do que projeções de analistas

     

    Foi divulgado na madrugada de sexta-feira (20) um dos dados mais aguardados da economia mundial. O Produto Interno Bruto da China cresceu 6,7% no ano de 2016. A evolução da economia do país asiático é acompanhada em todo o mundo, já que se trata daquela que mais cresceu nas últimas décadas.

    Os países emergentes, como o Brasil, se interessam pela atividade chinesa porque ela impacta a demanda por commodities - principal produto de exportação brasileiro. Já os países desenvolvidos, que importam produtos manufaturados da China, observam a evolução de uma economia cada vez mais forte no cenário global.

    ASSINE O NEXO PARA
    CONTINUAR LENDO

    Tenha acesso ilimitado e apoie o jornalismo independente de qualidade

    VOCÊ PODE CANCELAR QUANDO QUISER
    SEM DIFICULDADES

    Já é assinante, entre aqui

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.