Ignorar e-mails de trabalho fora do expediente é direito trabalhista na França. E no Brasil?

‘Direito à desconexão’ entrou em vigor em 2017 na França. No Brasil não há regulação, mas Justiça do Trabalho costuma reconhecer reivindicações de empregados

    No dia 1º de janeiro de 2017, entrou em vigor na França uma medida que pretende garantir a todo trabalhador assalariado do país o direito de permanecer off-line.

    “Os assalariados estão cada vez mais ‘conectados’ fora de seu tempo de escritório, a fronteira entre vida profissional e pessoal é tênue, a jornada de trabalho não é mais contínua… É, portanto, para se adaptar a esta realidade e criar as proteções necessárias à saúde dos assalariados que um direito à desconexão é inscrito na lei”

    PARA CONTINUAR LENDO,
    TORNE-SE UM ASSINANTE

    Tenha acesso ilimitado e apoie o jornalismo independente de qualidade

    VOCÊ PODE CANCELAR QUANDO QUISER
    SEM DIFICULDADES

    Já é assinante, entre aqui

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.