Os projetos-piloto de renda básica que serão testados em 2017

Milhares de pessoas receberão entre US$ 600 e US$ 3.000 nos Estados Unidos e na Finlândia em 2017 sem que tenham que fazer nada em troca. O objetivo é estudar o impacto da medida

    Foto: Moyan Brenn/Flickr/Creative Commons
    Iniciativas para conceder renda mínima mensal serão testadas a partir de 2017
    Iniciativas para conceder renda mínima mensal serão testadas a partir de 2017
     

    O que aconteceria se todos os cidadãos de um país passassem a receber uma renda com a qual pudessem bancar suas necessidades básicas? Eles parariam de trabalhar? Se dedicariam àquilo que amam? Viajariam mais? Seriam felizes e realizados? Estudariam? Ou simplesmente ficariam na frente da TV o dia inteiro?

    Dois programas com início previsto para 2017, aplicados pontualmente nos Estados Unidos e na Finlândia, pretendem testar em milhares de pessoas a concessão de uma renda básica universal. Eles ajudarão a entender o que aconteceria se a medida fosse adotada como política pública em larga escala em um país.

    ASSINE O NEXO PARA
    CONTINUAR LENDO

    Tenha acesso ilimitado e apoie o jornalismo independente de qualidade

    VOCÊ PODE CANCELAR QUANDO QUISER
    SEM DIFICULDADES

    Já é assinante, entre aqui

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.