Por que se prende tanto sem condenação no Brasil

A detenção de três jovens acusados de roubar um carro - mesmo com a versão da polícia contrariada por um vídeo - ilustra o problema da prisão provisória no país

    Três jovens estão presos há mais de 40 dias acusados de roubar um carro na zona leste de São Paulo. Imagens de câmeras de segurança indicam que a versão da polícia sobre seu envolvimento no roubo é falha, mas eles continuam presos. O trio engrossa a estatística: 41% dos 607 mil presidiários do país estão encarcerados sem terem sido condenados pela Justiça.

    O caso do trio da zona leste

    PARA CONTINUAR LENDO,
    TORNE-SE UM ASSINANTE

    Tenha acesso ilimitado e apoie o jornalismo independente de qualidade

    VOCÊ PODE CANCELAR QUANDO QUISER
    SEM DIFICULDADES

    Já é assinante, entre aqui

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.