Como é a reforma do ensino médio e quais são as críticas a ela

Publicada como Medida Provisória, mudanças implantadas pelo governo de Michel Temer contrariam profissionais e entidades educacionais

     

    Na quinta-feira (23), o presidente Michel Temer divulgou o texto que estabelece a reforma no ensino médio, naquela que é considerada a maior alteração para estudantes e professores dessa etapa escolar desde 1996, com a implantação da Lei de Diretrizes e Bases da Educação.

    O ensino médio é a última etapa do ensino básico e, portanto, a fase em que muitos estudantes se preparam para o ingresso nas universidades - sendo seu conteúdo, nos últimos anos, cada vez mais pautado pelas cobranças do vestibular. No Brasil, ele dura três anos.

    ASSINE O NEXO PARA
    CONTINUAR LENDO

    Tenha acesso ilimitado e apoie o jornalismo independente de qualidade

    VOCÊ PODE CANCELAR QUANDO QUISER
    SEM DIFICULDADES

    Já é assinante, entre aqui

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.