Por que os pontos de interesse de Pokémon Go são distribuídos de maneira desigual na cidade

O mapa de Pokémon Go é um reflexo de como a cidade é usada: lugares com menor circulação de pessoas tem menos pontos de interesse. E isso pode gerar um círculo vicioso

    O desempenho do jogador do Pokémon Go depende diretamente da sua disposição em sair de casa e andar pela cidade. O aplicativo funciona conectado ao GPS do celular e caminhar é a única maneira de interagir com a parte virtual do jogo: capturar pokémons, coletar itens nas pokéstops e batalhar nos ginásios para ganhar experiência e avançar.

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.

    Já é assinante?

    Entre aqui

    Exclusivo para assinantes

    Tenha acesso a todo o nosso conteúdo, incluindo expressos, gráficos, colunistas, especiais, além de newsletters exclusivas com curadoria da redação. Apoie o jornalismo independente brasileiro de qualidade.
    Assine o Nexo.