Ir direto ao conteúdo

Por que o Reddit se tornou a mais influente comunidade da internet

Com destaque ao conteúdo e à variedade de usuários, a rede agora mira na possibilidade de gerar dinheiro a partir de publicidade - e acredita no potencial de ganhar tanto quanto o Facebook

     

    O Reddit, o maior e mais importante fórum de discussões da internet, construiu uma reputação única desde seu surgimento, em 2005.

    Além de ter um volume massivo de audiência, ele se destaca por priorizar conteúdos baseando-se na qualidade nas discussões que eles geram - diferentemente do Facebook, cujo algoritmo leva em conta também as relações entre os usuários para exibir os posts.

    O Reddit não se autodenomina “a capa da internet” à toa. As informações mais recentes sobre audiência divulgadas pelo site revelam 234 milhões de visitantes únicos e 8 bilhões de impressões de páginas só no mês de dezembro de 2015.

    O próximo passo, agora, é gerar receita proporcional à reputação e à audiência do site. O Reddit se moveu devagar em direção a um modelo de negócios massivo, mas no começo de junho de 2016 anunciou que vai experimentar o uso de links patrocinados.

    Em 2015, o site rendeu cerca 8 milhões de dólares em anúncios - como base de comparação, o Facebook recebe 17 bilhões de dólares por publicidade no mesmo período. O CEO do site, Steve Huffmann, estima que o potencial de renda do Reddit seja semelhante.

    O que é e como funciona o Reddit

    O Reddit foi fundado em 2005 por dois estudantes da Universidade de Virginia, Steve Huffman e Alexis Ohanian. No surgimento, era uma rede social de notícias: usuários, chamados de redditors, se cadastravam e publicavam links.

    Cada link postado tinha um espaço para debates, como em um fórum, e a possibilidade de votar pró ou contra uma postagem. Postagens com mais votos iam para o topo da lista de links, enquanto aquelas com menos votos iam para o fim dela.

    O site permanece com essa lógica. Além da página principal, que reúne todos os links e notícias mais votados, o site também oferece seu recurso mais aclamado: os subreddits.

    Já participaram do subreddit AmA nomes como Barack Obama, Bill Gates, Elon Musk e Buzz Aldrin

    Esses espaços são como subfóruns temáticos em que usuários podem propôr discussões, postar material e interagir. Como em qualquer espaço do site, todos os posts e respostas podem ser votados com “upvote” e “downvote”, e os que recebem mais “upvotes” ficam no topo.

    Mais de 50% da audiência do Reddit é norte-americana, e por isso, quase todo o conteúdo produzido está em inglês. Alguns subfóruns, no entanto, funcionam em outros idiomas - é o caso do subreddit r/brasil/, quase sempre 100% em português.

    Hoje, o site tem mais de 800 mil subreddits, todos eles monitorados e geridos por moderadores voluntários. A autogestão às vezes gera problemas, como reclamações sobre a disponibilização de conteúdo impróprio e debates sobre censura.

    Há espaço para discussões sobre assuntos específicos e outros que se propõem a reunir notícias, fotos, gifs ou mensagens que se encaixem em determinado tema - como o subreddit “mildly infuriating” (“levemente irritante”), criado para que os usuários possam dividir qualquer coisa, de fotos a situações específicas, que possam ser classificadas nessa categoria.

    Foto: Reprodução/imgur/TsQ6M10
    'Mildly Infuriating': alguém deixou lixo em um banco (de acordo com o usuário, ao lado de duas lixeiras)
     

    Além disso, há formatos de subreddits e de posts puramente interativos, em que usuários contam com o poder do tamanho e variedade da comunidade para coletarem impressões, relatos e respostas.

    O formato mais popular desse tipo é o subreddit AmA (“Ask me Anything”, ou “me pergunte qualquer coisa”), uma espécie de entrevista coletiva em que uma personalidade - ou alguém comum, mas com uma história de vida que gere algum interesse - se coloca à disposição para responder perguntas dos usuários.

    Já participaram desse formato centenas de pessoas: nomes como o presidente dos EUA, Barack Obama, o fundador da Microsoft, Bill Gates, o empresário de tecnologia Elon Musk, o chef de cozinha Gordon Ramsay, o co-fundador da Apple Steve Wozniak, o físico Neil DeGrasse Tyson, o ator Peter Dinklage e o astronauta Buzz Aldrin, por exemplo.

    Além deles, outros AmA famosos são de anônimos, como o de uma babá de uma família chinesa rica, o de uma mulher que foi atacada por um urso, lutou contra ele e teve o rosto arrancado pelo animal e de um homem que nasceu com uma condição rara, chamada difalia, que o faz possuir dois pênis.

    O AmA é um dos formatos mais populares e aclamados do Reddit. O site The Atlantic escreveu que o subreddit gera “algumas das histórias mais envolventes na web ou em qualquer meio”, e lembrou no mesmo texto que há um nicho da indústria de produção de conteúdo que vive de ‘reembalar’ conteúdo produzido a partir dessas discussões em posts e sites de notícias.

    “Alguma coisa no site - o lugar, a comunidade, alguma coisa - faz as pessoas [que fazem AmA] se sentirem à vontade para dizer e fazer coisas que elas não fariam, se o caso fosse outro.”

    Alexis C. Madrigal

    Repórter do site The Atlantic

    Por que o Reddit é diferente

    A possibilidade quase infinita de criação de subreddits específicos fomenta discussões dos mais variados tipos e ideologias - além disso, o Reddit é conhecido pela profundidade das discussões que costuma abrigar, seja pelo volume enorme de contribuições ou pela disposição dos usuários em dividir suas experiências e conhecimento.

    Para navegar e publicar no Reddit é preciso criar um cadastro e fazer um login. Mas não é da cultura da rede usar nomes verdadeiros ou fotos que identifiquem os perfis. É quase sempre impossível distinguir pelo nickname ou pelo perfil simples qualquer detalhe da vida de um usuário, seja seu gênero, idade, cor de pele ou origem.

    Segundo o jornalista Luke Kingma, editor do sistema de curadoria de notícias Futurism, talvez esse seja um dos motivos pelo qual o Reddit é conhecido por ser uma comunidade aberta e tolerante, com usuários de todos os tipos - o que enriquece a comunidade com publicações que descrevem tipos muito variados de experiências.

    Kingma escreveu que a força do Reddit está no fato de que o valor do usuário na comunidade é medido pelo conteúdo que ele compartilha, e não pelas pessoas com quem ele anda.

    “A maior parte de nós não é tão sortudo a ponto de ter uma rede incrivelmente diversa e interessante de amigos, família e colegas. [...] A visibilidade no Reddit é diretamente proporcional à utilidade do que ela disse em determinada discussão. Como resultado, somos expostos a pessoas, ideias e perspectivas mais interessantes”, teoriza.

    “[...] o Reddit conecta estranhos, tem certas vantagens sobre o Facebook, que conecta amigos. As ideias se espalham mais no Reddit, apesar de ter uma rede menor de usuários. [...] Os usuários do Reddit estão conectados a muitas comunidades diferentes [...] esse poder de disseminar ideias para muitos subcírculos sociais pode explicar porque os memes do Reddit viralizam e porque o Reddit ascendeu como um núcleo importante no ativismo online.”

    Ethan Zuckermann

    Programador, ativista digital e fundador do Global Voices, em um artigo na The Atlantic

    Ele defende, inclusive, que a próxima grande rede social deve ser mais como o Reddit e menos como o Facebook: uma que valorize mais aquilo que você tem a oferecer como conteúdo do que as relações entre as pessoas.

    Nos últimos anos, o Reddit tem sido um espaço importante em construções e debates de ativismo digital.

    O ativista Aaron Swartz, morto em 2013, já foi um dos sócios do site, e a rede sempre caminhou ao lado de iniciativas iconoclastas na cultura digital: em 2012, saiu do ar por 12 horas, ao lado da Wikipedia, para chamar atenção para a campanha Stop Online Piracy Act (o SOPA), liderada por Swartz e que tinha como objetivo pressionar para que um projeto de lei para punir pirataria e reprodução de conteúdo não fosse aprovado nos EUA.

    Além disso, com o crescimento do debate sobre assédio virtual, o site tem lançado ferramentas para coibir o assédio online - uma delas, de abril de 2016, permite bloquear usuários e esconder mensagens ofensivas.

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa Equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project. Saiba mais.

    Mais recentes

    Você ainda tem 2 conteúdos grátis neste mês.

    Informação com clareza, equilíbrio e qualidade.
    Apoie o jornalismo independente. Junte-se ao Nexo!