Como a política fiscal pode ajudar no combate à inflação

Ministro da Fazenda disse que ajuste nos gastos do governo vai ajudar o Banco Central a controlar aumento de preços

     

    Ao dar posse ao novo presidente do Banco Central na segunda-feira (13), o ministro da Fazenda, Henrique Meirelles, disse que Ilan Goldfajn terá um aliado em sua missão de controlar a inflação. Segundo Meirelles, a política fiscal do governo, ao contrário do que aconteceu nos últimos anos, ajudará no combate ao aumento de preços.

    No Brasil, as responsabilidades são divididas: o Ministério da Fazenda cuida da arrecadação e dos gastos do governo, a chamada política fiscal, e o Banco Central (BC) é responsável pelo combate à inflação através da política monetária. Quando Meirelles diz que a política fiscal vai ajudar no combate ao aumento de preços, se refere a uma questão da alçada do BC.

    ASSINE O NEXO PARA
    CONTINUAR LENDO

    Tenha acesso ilimitado e apoie o jornalismo independente de qualidade

    VOCÊ PODE CANCELAR QUANDO QUISER
    SEM DIFICULDADES

    Já é assinante, entre aqui

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.