O estresse no trabalho é um problema de saúde pública. Especialmente para minorias

Estudo realizado nos EUA mostra como negros e hispânicos, com menor escolaridade, são os mais afetados por más-condições de trabalho

    O estresse no ambiente de trabalho é comprovadamente um problema de saúde pública nos EUA. Ambientes tensos, jornadas longas, muita pressão e grandes volumes de tarefas impactam diretamente a expectativa de vida da população.

    Mas o impacto é maior em grupos sociais vulneráveis, como negros e hispânicos, segundo um estudo conduzido por pesquisadores das universidades de Harvard e Stanford, nos EUA.

    PARA CONTINUAR LENDO,
    TORNE-SE UM ASSINANTE

    Tenha acesso ilimitado e apoie o jornalismo independente de qualidade

    VOCÊ PODE CANCELAR QUANDO QUISER
    SEM DIFICULDADES

    Já é assinante, entre aqui

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.