Deputados terão um mês para trocar de partido sem serem acusados de infiéis

Janela beneficia congressista que busca nova legenda para se candidatar a prefeito em outubro; balanço das trocas também será termômetro da capacidade de o Planalto influir na Câmara

    De 19 de fevereiro a 19 de março, os deputados federais estarão livres para trocar de legenda sem se preocupar com a fidelidade partidária. A janela de 30 dias servirá como um salvo-conduto para os parlamentares migrarem de partido e não correrem risco de perder o mandato.

    Segundo as normas eleitorais em vigor, um deputado só pode trocar de legenda em três situações:

    PARA CONTINUAR LENDO,
    TORNE-SE UM ASSINANTE

    Tenha acesso ilimitado e apoie o jornalismo independente de qualidade

    VOCÊ PODE CANCELAR QUANDO QUISER
    SEM DIFICULDADES

    Já é assinante, entre aqui

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.