Ir direto ao conteúdo

Foto: Luciana de Oliveira

Marcello Quintanilha, quadrinista brasileiro e autor de ‘Sábado dos meus amores’ e ‘Tungstênio’, indica 5 livros

A Propriedade

Rutu Modan

Uma história sobre reatar as pontas desfeitas de um passado. Herdeira da tradição narrativa da linha clara, Rutu Modan é uma das minhas autoras favoritas, pela humanidade que imprime aos personagens.

Agonia de um padre casado

Dom Gurgel

Um magnífico relato em primeira pessoa sobre a rotina no baixo escalão da disciplina militar e a controversa motivação em abraçar a vocação religiosa. Tivesse Dom Gurgel plena consciência da efetividade de seu texto através da subversão dos meandros linguísticos e narrativos, deveria ser considerado um gênio; não tivesse ele essa consciência, deveria ser considerado um gênio da mesma maneira.

Imageria

Rogério de Campos

Uma frenética investigação que se perde no tempo, sobre os caminhos que conduziram à cristalização daquilo que se entende por quadrinhos nos dias atuais. Indispensável para qualquer um que se interesse pela história das histórias em quadrinhos.

Curtas e escabrosas

André Toral

Compilando vários momentos da produção do autor, e, consequentemente, da história do Brasil, nos encontramos diante de um relato que efetivamente transcende nossa moralidade histórica em nome da identificação moral indígena.

Ero Guro

Suehiro Maruo

A força da narrativa agressiva e bizarra do autor através de narrativas perturbadoras, sempre nos mostrando quão tênue é a linha entre deleite e horror e como facilmente podemos sucumbir a essa espiral.

 

Marcello Quintanilha é um dos mais celebrados quadrinistas brasileiros da atualidade. Nasceu em Niterói e mora em Barcelona. É autor de 'Sábado dos meus amores', 'Almas públicas', 'Talco de vidro', 'Tungstênio' (vencedor do prêmio Angoulême em 2016) e 'Hinário Nacional'.

Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa Equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project. Saiba mais.

Mais recentes

Você ainda tem 2 conteúdos grátis neste mês.

Informação com clareza, equilíbrio e qualidade.
Apoie o jornalismo independente. Junte-se ao Nexo!