‘As principais preocupações atuais do eleitor são econômicas’

Em entrevista ao ‘Nexo’, jornalista Thomas Traumann fala sobre como a economia começa a entrar no debate das eleições de 2022

    Temas econômicos movimentaram o debate em torno das eleições presidenciais na primeira semana do ano, com dois episódios que geraram polêmica em torno do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT), primeiro colocado nas pesquisas de intenção de voto.

    Na terça-feira (4), o petista escreveu nas redes sociais que “é importante que os brasileiros acompanhem de perto o que está acontecendo na Reforma Trabalhista da Espanha, onde o presidente Pedro Sanchez está trabalhando para recuperar direitos dos trabalhadores”. O comentário chamou a atenção por vir junto com uma notícia do site Brasil de Fato compartilhada por Lula, cujo título diz: “Espanha revoga reforma trabalhista que precarizou trabalho e não criou empregos”.

    PARA CONTINUAR LENDO,
    TORNE-SE UM ASSINANTE

    Tenha acesso ilimitado e apoie o jornalismo independente de qualidade

    VOCÊ PODE CANCELAR QUANDO QUISER
    SEM DIFICULDADES

    Já é assinante, entre aqui

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.