‘Drogas psicodélicas são opção promissora contra doenças’

Autor de ‘Psiconautas’, jornalista Marcelo Leite fala ao ‘Nexo’ sobre o momento de ebulição dos estudos a respeito de terapias com substâncias antes associadas a raves e festivais hippies 

Tratamentos e terapias com drogas psicodélicas vivem um momento de efervescência. São objeto de pesquisa em instituições acadêmicas de prestígio, recebem investimentos milionários por meio de startups e ganham aprovação de autoridades de saúde. Nos EUA, país que está na dianteira nesse campo, já há até estados legalizando algumas substâncias.

PARA CONTINUAR LENDO,
TORNE-SE UM ASSINANTE

Tenha acesso ilimitado e apoie o jornalismo independente de qualidade

VOCÊ PODE CANCELAR QUANDO QUISER
SEM DIFICULDADES

Já é assinante, entre aqui

Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.