Ir direto ao conteúdo

O NexoEDU é uma ferramenta criada especialmente para professores e estudantes, um lugar em que o jornalismo encontra a educação.

A página traz uma seleção de conteúdos publicados pelo Nexo, em formatos variados e inovadores, como infográficos, vídeos curtos, mapas, textos explicativos, podcasts, testes de conhecimento e outros interativos.

Esses materiais são uma fonte privilegiada de acesso a informações sobre atualidades — cada vez mais cobradas no Enem e nos vestibulares — e também sobre temas mais diretamente relacionados ao currículo escolar em geral. Podem ser muito úteis para uso em sala de aula, pesquisas escolares ou como material complementar.

Para escolas

O NexoEDU tem um programa especial para benefícios exclusivos. Para saber como adotar ou testar a plataforma como parte do material didático, oferecendo seus conteúdos para professores e/ou estudantes, clique aqui.

Como usar?

Você é professor ou estudante e quer ficar sempre por dentro dos principais acontecimentos e debates no Brasil e no mundo hoje? Acompanhe a seção “O que está em jogo agora”, que destaca materiais sobre temas fundamentais da atualidade, explicados e contextualizados de forma precisa, equilibrada, objetiva.

Além disso, os estudantes podem ser estimulados a testar se estão afiados no noticiário, de forma leve e divertida, fazendo o “Quiz da semana” (veja aqui um exemplo).

materiais de referência para pesquisa, discussão e preparação de apresentações em assuntos diversos

Você é professor e está o tempo todo buscando conteúdos na internet para deixar suas aulas mais interessantes, ricas e atraentes? Então, mergulhe na seção “Para a sala de aula”, uma curadoria de conteúdos especiais do Nexo, considerados imperdíveis para professores e estudantes. São materiais materiais que permitem inovar na abordagem de diferentes temas.

Colagem sobre litografias de escravos de Johann Moritz Rugendas (“Malerische Reise In Brasilien”, de 1835)

Quer falar, por exemplo, sobre a escravidão no Brasil? Este especial sobre o Censo de 1872, mostra um retrato do país nesse período.

Colagem sobre litografias de escravos de Johann Moritz Rugendas (“Malerische Reise In Brasilien”, de 1835)

Pretende discutir sobre a crise na Venezuela? Que tal esta usar este vídeo de menos de nove minutos como ponto de partida para esse assunto espinhoso?

Se for dar uma aula sobre pop art, este especial sobre Andy Warhol pode ser uma mão na roda.

Colagem sobre litografias de escravos de Johann Moritz Rugendas (“Malerische Reise In Brasilien”, de 1835)

Dados e Mapas

Os infográficos reunidos na seção “Dados e mapas” mostram informações sobre diferentes assuntos de forma didática e cativante, atraindo a atenção dos estudantes. Você precisa falar sobre o desmatamento da mata atlântica no Brasil? Estes mapas ajudam a visualizar a gravidade do assunto. Quer discutir o crescimento da população brasileira nos últimos séculos? Que tal usar estes mapas e gráficos para começar a aula?

E nossos gráficos também podem ser uma excelente ferramenta para as aulas de Matemática, para contextualizar o estudo de diferentes tópicos dessa disciplina. Aqui você pode ver um exemplo, relacionado aos números da mega-sena, que inclusive foi usado no vestibular da Unesp (Universidade Estadual Paulista) de 2018.

Para Pesquisa

É professor ou estudante e precisa fazer uma pesquisa sobre“literatura de cordel”,“agrotóxicos”, “trajetória do movimento negro”, “inteligência artificial”, “União Europeia”, “gênero”, “Pixinguinha”,“STF (Supremo Tribunal Federal)”,“funk”,“mudanças climáticas”,“Lima Barreto”,“animais extintos no Brasil”, “inflação”, “separatismo na Catalunha”, “Tiradentes”? Você pode encontrar conteúdos caprichados e completos sobre esses, e muitos outros assuntos, em diferentes formatos, na seção “Para pesquisa”.

Teste seus conhecimentos

Já os quizzes, reunidos na seção “Teste seus conhecimentos”, ajudam a dar mais leveza a determinadas questões, engajando os estudantes. Qual estatística este mapa mostra? Você conhece os clássicos da literatura brasileira? Comer carne é pior para o planeta do que um banho demorado? O que você sabe sobre imigrantes e refugiados? Você sabe que língua é esta? Quanto você sabe sobre os indígenas brasileiros? Qual o contexto histórico representado neste quadro? Faça nossos testes e veja quanto você sabe sobre esses e outros temas — você vai ver que eles podem ser um ótimo recurso interativo para começar ou encerrar uma aula.

Profissões

Na seção “Profissões”, pessoas que atuam em diferentes áreas contam sua trajetória acadêmica e profissional, o que as motivou a seguir essa carreira, as dificuldades enfrentadas. Quer saber o que faz (ou como se tornar) um diplomata uma bióloga marinha, uma restauradora de arte, um quadrinista, um ambientalista, uma infectologista, uma defensora pública? Explore nossas entrevistas para conhecer melhor essas e outras profissões.

Por Tema

Para quem quer ajudar os estudantes a se preparar para o Enem ou para outros vestibulares, fizemos uma seleção de conteúdos do Nexo divididos em assuntos que podem aparecer em perguntas ou na redação dessas provas. A seção “Por tema” aborda questões essenciais para quem está estudando para esses exames, como mudanças climáticas, migrantes e refugiados, questão violência e crise hídrica.

Newsletters

O NexoEDU conta com uma newsletter mensal, exclusiva para assinantes do jornal. Uma curadoria de conteúdos do Nexo, publicados naquele mês, especiais para professores e estudantes.

Enviamos também, exclusivamente aos professores das escolas assinantes, uma newsletter semanal temática com sugestões sobre como trabalhar os materiais de atualidades para o Enem.

Conheça as newsletters e inscreva-se

Colagem sobre litografias de escravos de Johann Moritz Rugendas (“Malerische Reise In Brasilien”, de 1835)

Sobre o Nexo

O Nexo é um jornal digital, lançado em novembro de 2015, com o objetivo de trazer contexto às notícias e ampliar o dados e estatísticas. Sempre de forma inovadora e a partir de conteúdos amplos e instigantes, sua produção editorial privilegia o rigor e a qualidade da informação.

Desde a sua fundação, o Nexo tem como principal motivação produzir um jornalismo que contribua para um debate público qualificado e plural, e que seja capaz de fortalecer a democracia brasileira.

Seus princípios editoriais são o equilíbrio, a clareza e a transparência.

Todas as possibilidades da plataforma digital são exploradas com uma abordagem única, usando uma diversidade de formatos e colocando a experiência do usuário no centro da produção.

O Nexo é uma iniciativa independente, financiada com recursos próprios. Com sede em São Paulo, sua equipe é constituída por mais de 30 pessoas com diferentes formações e habilidades, incluindo jornalismo, ciências sociais, estatística, ciência de dados, design, tecnologia, marketing e negócios.

Sem publicidade no site, o jornal dá acesso a 5 conteúdos livres por mês. Sua principal fonte de receitas são as assinaturas.