Coluna

Os caminhos nada lineares da ciência

    Nem sempre sabemos, durante pesquisas, quais descobertas científicas darão origem a grandes avanços

    Em meados dos anos 90, presenciei um raro momento do tipo “Eureca!” no laboratório científico em que trabalhava, no Instituto de Biologia da Unicamp (Universidade Estadual de Campinas). A professora Ione Salgado saltava de alegria ao ver que um experimento-chave havia gerado um resultado importante, encaixando a última peça em um quebra-cabeças científico que montavam há anos. Os resultados, totalmente conduzidos por brasileiros e liderados pelo professor Anibal E. Vercesi, viriam a ser publicados em 1995 na prestigiosa revista científica Nature, e mostravam que mitocôndrias de batatas tinham proteínas desacopladoras.

    Alicia Kowaltowski é médica formada pela Unicamp, com doutorado em ciências médicas. Atua como cientista na área de Metabolismo Energético. É professora titular do Departamento de Bioquímica, Instituto de Química da USP, membro da Academia Brasileira de Ciências e da Academia de Ciências do Estado de São Paulo. É autora de mais de 150 artigos científicos especializados, além do livro de divulgação Científica “O que é Metabolismo: como nossos corpos transformam o que comemos no que somos”. Escreve quinzenalmente às quintas-feiras.

    Os artigos publicados pelos colunistas são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam as ideias ou opiniões do Nexo.

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.

    Conteúdo exclusivo para assinantes

    Gosta do nosso jornalismo?

    Somos um jornal independente, por assinatura, e sem publicidade, financiado por vocês, nossos leitores. Jornalismo de qualidade no qual você pode confiar.

    • → O essencial para estar bem informado todos os dias
    • → Notícias de forma clara, equilibrada e organizada
    • → Newsletters exclusivas
    • → Acesso a nossos gráficos e especiais

    Esteja conectado com o melhor da informação.
    Torne-se um assinante. Junte-se ao Nexo!