Coluna

É possível tirar férias da maternidade?

    Reflexões de uma temporada de verão: quando nos cuidamos ficamos mais preparadas para educar nossos filhos para a liberdade

    No dia 1º de janeiro de 2019, após uma tarde de muita alegria e brincadeira na casa de amigos, Peri despediu-se de mim da seguinte forma: “tchau, mamãe, bom surf em Itacaré!”. O fato da frase ter sido acompanhada por sorriso nos lábios e um forte abraço emocionou-me. Como uma mãe rotineiramente em trânsito, aprendi a cultivar o hábito de sempre compartilhar com meu filho os destinos e propósitos de cada um dos meus deslocamentos. Sua excelente aceitação à viagem de férias da mãe acalmou meu coração, martirizado por pensamentos diversos: como conseguirei ficar longe do meu filho por dez dias? Como ele se sentirá? E, ainda que tenha certeza que esta é uma pauta exclusivamente familiar, em sendo mulher a gente também se preocupa com o clássico “o que os outros vão pensar?”.

    Giovana Xavier é professora da Faculdade de Educação da UFRJ. Formada em história, tem mestrado, doutorado e pós-doutorado, por UFRJ, UFF, Unicamp e New York University. É idealizadora do Grupo de Estudos e Pesquisas Intelectuais Negras. Em 2017, organizou o catálogo “Intelectuais Negras Visíveis”, que elenca 181 profissionais mulheres negras de diversas áreas em todo o Brasil.

    Os artigos publicados pelos colunistas são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam as ideias ou opiniões do Nexo.

    Todos os conteúdos publicados no Nexo têm assinatura de seus autores. Para saber mais sobre eles e o processo de edição dos conteúdos do jornal, consulte as páginas Nossa equipe e Padrões editoriais. Percebeu um erro no conteúdo? Entre em contato. O Nexo faz parte do Trust Project.

    Já é assinante?

    Entre aqui

    Exclusivo para assinantes

    Tenha acesso a todo o nosso conteúdo, incluindo expressos, gráficos, colunistas, especiais, além de newsletters exclusivas com curadoria da redação. Apoie o jornalismo independente brasileiro de qualidade.
    Assine o Nexo.